Luz de Jaci

 

por Ana Aranha

A mágica acontecia no fim da tarde, quando Min se libertava das entrevistas para registrar as histórias que só as imagens podem contar. O pôr do sol em Jaci Paraná foi um daqueles momentos em que o fotógrafo soube olhar com olhos de ver. A força da luz era indiscutível, mas algo mais acontecia. Os corpos em movimento contavam a história das vidas em trânsito.

Antiga morada de pescadores, a vila era agora refúgio dos milhares de trabalhadores da usina e centenas de profissionais do sexo e dos tantos outros serviços que os salários da obra podiam pagar.

O pôr do sol em Jaci sugere a efemeridade dos encontros naquele lugar onde a maioria está de passagem.


Série numerada AHé

  • Série de 12 imagens de autoria de Marcelo Min

  • Fotografias realizadas em 2012 em viagem a Jaci Paraná (RO)

  • Curadoria: Marcello Vitorino (2017)
  • Impressão com pigmento mineral sobre papel 100% algodão Hahnemühle Photo Rag Baryta
  • Impressas no Espaço opHicina, em São Paulo
  • Tiragem: 2PA + 10 (para cada formato)
  • Formatos: 50 x 75 cm, 30 x 45 cm e 100 x 150 cm
  • Cópias assinadas e numeradas
  • Acompanham certificado de autenticidade

 


← voltar